PDAs e smartphones


handheldPDA (Personal Digital Assistant) ou assistente pessoal digital é o nome genérico dado para computadores de mão ou de bolso (PC pocket). Os PDAs podem ser divididos em handhelds e palmtops. Os handhelds possuem o mesmo desenho básico dos notebooks (teclado acoplado à tela e ambos ligados por um eixo que permite abertura e fechamento como um livro), porém são mais leves e permitem a execução de tarefas básicas, como processamento de textos, cálculo de planilhas, agenda eletrônica, e armazenamento de informações. PalmTop Organiser-250-257Os palmtops, mais compactos que os handhelds, ao contrário, não possuem teclado para entrada de texto, mas sim um teclado gráfico capaz de reconhecer a letra do usuário, cuja entrada é realizada por uma caneta digital a laser. Os palmtops foram popularizados a partir dos anos 90, sendo que, em 1996, surgiu um importante destaque na indústria dos PDAs, o Palm Pilot, que foi lançado no mercado como uma ferramenta moderna, fácil de usar, com intuito de substituir papel e caneta. O Palm Pilot media 12cm de altura e pesava 160g, podia executar cerca de 100 tarefas, além de dispor de sincronização tanto com computadores da Microsoft como da Apple. A ideia do PDA associada ao telefone celular deu origem ao Smartphone, que, ao contrário do palmtop cabe realmente no bolso ou na palma da mão, além de possuírem recursos adicionais como conectividade à internete e a possibilidade de instalar aplicativos para execução de diversas funções. Alguns palmtops também possuem conectividade à internete como o HP Ipaq Hx2790, que apresenta conectividade via bluetooth e wi-fi. Embora os smartphones tenham crescido amplamente em popularidade, os PDAs ainda possuem um pouco de espaço para públicos específicos. Muitas pessoas ainda usam PDA para seu trabalho, como vendedores, entrevistadores, policiais e pesquisadores. De acordo com o site Canaltech, os palmtops podem ainda ser encontrados em lojas especializadas em várias locais do Brasil a preços relativamente módicos, no entanto, os aparelhos raramente são atualizados pelos principais responsáveis pelo sistema operacional, como a Microsoft e HP. Entretanto, isto pode até mesmo constituir-se em uma vantagem, em função da estabilidade da plataforma. Na hora de decidir-se pela aquisição de um PDA ou de um smartphone, deve ser levado em conta qual dispositivo atende com mais precisão as necessidades de cada usuário, incluindo os aspectos estéticos, além dos técnicos, assim como conforto na hora de usar. Se o usuário não se sente confortável ao usar o smartphone, como PC pocket, por exemplo, devido considerar que suas dimensões diminutas não o deixam confortável para elaborar um arquivo do Word, então ele há de preferir um PDA com teclado (handheld) ou mesmo um netbook, que não cabe num bolso, mas cabe numa pasta. Assim, temos várias outras situações a considerar, como preço, serviço de internete, acessibilidade, como também há os usuários que consideram as práticas de sustentabilidade dos fabricantes e comerciantes. O PDA também pode ser preferido, também, se o smartphone contar apenas com um software básico, como o Pocket Office, incapaz de criar e editar documentos do Microsoft office, permitindo apenas vê-los.

Fonte: Internet

2 thoughts on “PDAs e smartphones

  1. After study a few of the blog posts in your website now, and I truly like your approach of blogging. I bookmarked it to my bookmark web site record and shall be checking back soon. Pls try my web site as well and let me know what you think.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *